1/10/2017

Você pode estar ajudando no Bullying!

| |
Olá amores!

O post de hoje vem com um assunto bastante polêmico e muito triste. É inicio de ano e apesar de todos estarmos com aquele sentimento positivo, assuntos como este precisam ser levados em conta, não pra ser motivo de sensacionalismo, mas justamente para que nós possamos fazer com que a incidência de Bullying diminua.  Ano novo vida nova, mas só será assim se fizermos a diferença.




 Antes que alguém venha me dizer "como assim você pode dizer que alguém pratica Bullying?" quero avisar e deixar claro que não estou julgando ninguém, este título tem um motivo e eu peço que entendam ele antes de tirarem conclusões ruins ok?


O que é Bullying:

"Bullying é um termo da língua inglesa (bully = “valentão”) que se refere a todas as formas de atitudes agressivas, verbais ou físicas, intencionais e repetitivas, que ocorrem sem motivação evidente e são exercidas por um ou mais indivíduos, causando dor e angústia, com o objetivo de intimidar ou agredir outra pessoa"


Infelizmente o Bullying acontece por inúmeros motivos, ser diferente, classe social diferente, raça, orientação sexual, aparência física, personalidade.

Já abordei o tema aqui no blog e inclusive resenhei um filme ótimo sobre o assunto neste post.


O Bullying muitas vezes ocorre sem que a família da vítima fique sabendo em caso de crianças, porém, isso não quer dizer que um jovem em uma faculdade, um pai ou mãe também não sofram com isso.

Principais sinais de quem sofre com Bullying:

 - isolamento;

- depressão;

- queda no rendimento escolar;

- dificuldade em se relacionar;

- recusa de ir à escola sem motivo aparente;

- dificuldade em fazer amizades;

- chora excessivamente;

- perda de materiais escolares

- agressividade

- baixa auto-estima

Nos piores casos isso pode chegar ao inicio de uso de álcool e drogas, automutilação, suicídio.

Existem diversas formas de Bullying também, piadinhas que deixem a pessoa constrangida ou ofendida, apelidos, cyberbullying, agressão verbal em geral e infelizmente agressão física.




Uma coisa precisa ser deixada bem clara: 
Bullying NÃO É brincadeira, não é divertido e faz muito mal.

 Também é necessário esclarecer principalmente aos mais novos que o Bullying causa danos graves a saúde psicológica e até física do indivíduo. Preconceito não deve ser tratado como "nada demais" "uma fase", é coisa séria.

Filmes que abordam o tema:
 Separei alguns títulos de filmes que abordam esse tema e alguns que podem não ser o foco central, mas tratam do assunto

- Um grito de socorro (resenha aqui)
- Ponte para Terabitia
- Karatê kid
- The class
- A mentira
- Carrie a estranha
- Bullying provocações sem limite
- Depois de Lucia
- Evil - Raízes do mal


 Agora parem e reflitam, o que esse título quer dizer?

 Significa nada mais nada menos, de que você pode não praticar Bullying, mas quando vê acontecer e se cala, você está ajudando, colaborando para que isso continue acontecendo a alguém, seja essa pessoa próxima ou não a você.

Denuncie.


Se você é pai, professor, observem seus alunos e filhos, tentem expor esse assunto e deixar claro que não é feio pedir ajuda quando necessário.

Bullying pode matar.


Um beijo e até o próximo post!

Fonte imagens: Google imagens
Fonte algumas nformações: Brasilescola

Onde me encontrar:

7 comentários:

  1. Nossa,adorei o post é super importante falar sobre isso e pedir as vítimas que busquem ajuda porque pode acarretar em grandes consequências na vida social deles :/ é triste que ainda isso aconteça!
    Muitos beijos e abraços ♡
    http://ummimoso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi!
    Ótimo post, é super verdade o que você disse sobre mesmo sem praticar o bullying a pessoa que vê e consente com o ato também é culpada, conheço várias pessoas que já presenciaram coisas assim e não fizeram nada para ajudar o agredido. É muito triste. Sempre que eu vejo algo assim falo alguma coisa ou conto para os responsáveis da pessoa. Adorei a indicação de filmes, vou assistir alguns ♥

    Beijinhos

    Yuurei Neko
    Neko Party

    ResponderExcluir
  3. Essa conscientização é super importante! Outro filme que não está na listinha é Cyberbully, com a Emily Osment. Vale a pena assistir!

    Beijo!
    http://tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Ótimo post, ótimas dicas. Parabéns!

    https://gabrielamachado3.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ótimo post uma coisa que devemos ter muito cuidado adorei❤️😄

    ResponderExcluir
  6. A violência entre os jovens é assustadora.


    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderExcluir
  7. Também fiz um post sobre isso. Um post e um vídeo!
    Bjs da Sú.
    www.rosachiclets.com.br

    ResponderExcluir